Batman: Arkham Origins (PC) // Análise


Como um dos jogos mais aguardados do ano, com uma excelente qualidade técnica, conseguiu pecar no mais importante que vinha construindo e se tornar uma das maiores decepções do ano?

 

Notas dos Leitores:
VN:F [1.9.22_1171]
História
Gráficos
Som
Gameplay
Replay
Rating: 6.6/10 (1 vote cast)




Não me entendam mal, Batman: Arkham Origins é um GRANDE jogo, porém, muitas pessoas, assim como eu, tinham expectativas diferentes a respeito do mesmo. Tecnicamente o jogo está sensacional mas… O que aconteceu com sua história e toda aquela imersão que tínhamos no último jogo da série?!?!?! Se comparado com Arkham City ele trouxe MUITAS melhorias mas parece ser um jogo vazio, pequeno, metade do que seu antecessor foi… Mas vamos analisar com calma:

Vídeo acima trás uma cinematic SENSACIONAL de algo que NÃO aparece no jogo…

HISTÓRIA
Noite de Natal e enquanto Alfred briga com Bruce para que ele fique em casa esta noite para manter pela menos essa tradição da família Wayne, Batman tem outros planos. Uma invasão está ocorrendo na prisão Arkham e o “novo” vigilante de Gotham corre até lá. Uma vez no lugar ele se depara com o caos e descobre um plano maior que um tal de Black Mask está arquitetando para dar fim ao Batman. Um prêmio pela cabeça do Morcego foi colocado e cerca de 11 assassinos profissionais contratados para tentar dar cabo dele… será uma longa noite.
BatmanOrigins-2013-10-27-12-34-06-74

Todas as imagens deste post foram tiradas por mim enquanto jogava

 

Até aqui nada demais, alias, bastante promissor e foi basicamente em cima disso que o jogo vinha sendo vendido, mas é logo nesse começo que os problemas começam a surgir. E se eu lhe disser que esse não é o foco do jogo? Black Mask faz parte basicamente apenas do tutorial. Dos 8 assassinos contratados (o jogo expõem pelo menos 11 contratados, fora os demais que podem querer ganhar a recompensa e apenas 8 receberam infos detalhadas), você deve encontrar apenas 4 sendo que 1 embora tenha seu valor dentro da história é descartável na gameplay. Alias, os momentos iniciais do jogo é algo que me incomodou bastante.

 

O jogo se passa quando a figura do Batman acabou de surgir. A polícia o está caçando e os criminosos acham que é apenas uma lenda, porém, mesmo sabendo que é uma prequel, demora para você entender e entrar neste contexto. Você é simplesmente jogado no meio da ação para aprender os comandos básicos, sem expor todo esse contexto e motivações que, por mais que estejamos cansados de saber por que Bruce cria o Batman, é algo importante e somente iremos ver a respeito bem mais adiante. Demora para vc entrar no clima do jogo… Essa fase inicial poderia ser melhor trabalhada.

BatmanOrigins-2013-10-27-13-37-25-95 BatmanOrigins-2013-10-27-14-01-42-52 BatmanOrigins-2013-10-27-12-26-19-34 BatmanOrigins-2013-10-27-12-29-57-86BatmanOrigins-2013-10-27-20-50-32-97

 

BatmanOrigins-2013-10-31-10-59-33-01

Prepare-se para apanhar… MUITO

O real foco do jogo é a criação da relação do Batman com Coringa enquanto temos um Bruce mais jovem, impulsivo, confuso em determinadas situações e até mais brutal. Existem muitos momentos bons mas essa não era minha expectativa. Bruce tendo de enfrentar alguns fantasmas e as incertezas de suas escolhas são interessantes mas você somente irá visualizar isso após metade do jogo e de forma um tanto quanto corrida. Os momentos com o Coringa também possui seus grandes momentos, porém, vemos um Coringa diferente… é um Coringa psicótico e caótico, porém, aparenta não ter um objetivo, uma motivação (mesmo que seja apenas trazer o caos)… meio vago em alguns momentos até que se frustra com Batman e ai começa a definir sua meta na vida. O foco do jogo é na descoberta desses dois personagens mas por mais que tenham seus momentos, deixam uma sensação de que o jogo é curto se comparado com Arkham City. É uma sensação estranha de vazio.
 
Porém, tem alguns aspectos da história que são importantes ressaltar também como o por que Batman também é conhecido como um grande Detetive. Embora você demore para entender e entrar na ambientação do jogo, uma das coisas que sempre me frustou na série foi o aspecto detetive ser um tanto quanto limitado. Você possui o modo detetive que muitos não gostam (e falarei mais na gameplay), porém, dentro da história o aspecto investigativo sempre esteve meio de lado. Em Arkham City mesmo você possui aquele momento em uma igreja no qual tem de descobrir de onde veio o tiro, porém, é basicamente isso. Já em Origins, logo no começo você entra em uma cena de crime MUITO complexa, tendo de analisar diversos aspectos e descobrindo que o relatório da polícia está errado. Fiquei MUITO empolgado nessa parte por ter sido realmente bem elaborado e, no fim, você não ter conseguido entender o que de fato ocorreu na cena, descobrindo as partes vitais para resolver o quebra cabeça com mais tempo de jogo. Fiquei MUITO empolgado com toda essa parte mas e existem outras missões, mesmo que paralelas, que irão instigar este aspecto. Batman é um cara fodástico não apenas por ser forte mas por conseguir enxergar o que os outros não enxergam, trazendo os verdadeiros culpados a tona.
Nota do Editor:

Geraldo Carvalho
Justificativa: a história tem seus momentos, porém, é curta, corrida e muito diferente do que se era esperado. Gostei de ver uma maior importância na questão investigativa, porém, a ambientação como um todo não produziu um resultado final tão bom como Arkham City. A maior decepção foi que o jogo foi divulgado com uma proposta mas, ao jogar, não encontramos nada daquilo que havíamos visto em trailers e outros. Além disso, se logo no começo temos uma lista de 11 assassinos mais ou menos, sendo que 8 possuem introduções fantásticas, por que nos deparamos apenas com a metade? Sinto que o jogo recebeu muitos cortes as presas e isso acabou por prejudicar muitos aspectos do mesmo, principalmente a história.
Nota: 5.0

bat

GRÁFICOS
BatmanOrigins-2013-10-27-22-16-56-13No geral o aspecto técnico dos gráfico do jogo está formidável. Alias, em muitas ocasiões achei que os gráficos ingame estavam MUITO mais bonitos do que as cinematics do jogo. Está tudo muito nítido e bem detalhado mesmo durante a ação. Uma das coisas que mais me agradou logo de início foram as expressões… quando Batman da um murro você sente a força que ele está fazendo com o ranger dos dentes bem como quem apanha ou quando ele apanha. No geral é um detalhe que passa despercebido mas, como sou MUITO detalhista, achei importante parabenizar esse quesito por que vi que foi algo bastante melhorado, logo, deve ter dado um certo trabalho, porém, por mais que tecnicamente o jogo tenha gráficos FANTÁSTICOS rodando em resoluções altíssimas, existe algumas coisas que não me agradaram.

 

Para começar, a própria cidade. Não consigo notar muita diferença entre a cidade e o que viria a ser mais tarde uma prisão gigantesca. Não parece um local habitável… Está certo que Gotham está em uma decadência lascada… mas tanto assim? Praticamente não existe vida… parece a prisão de Arkham City, cheia de criminosos espalhados e alguns  policiais … só. Além disso, por mais que todo cenário seja MUITO detalhado, no fim fico sempre com a sensação de repetição. É um pouco estranho por que quando você está num hotel, a arquitetura é uma, as paredes são outras, o piso, os detalhes… Depois você está em uma ponte gigantesca com sua própria arte. A prisão também possui os detalhes de uma prisão principalmente durante uma rebelião com colchões queimados e muito papel higiênico decorando o local (lol), porém, acredito que o clima que adicionaram em todos esses lugares diferentes seja o responsável por essa questão. Todo lugar está frio por causa do tempo e com neve. Todo lugar está destruído e pichado e todo lugar está em condições precárias. Por mais que todo local possua sua arquitetura e decoração, acho que esse clima estragou um tanto e contribuiu ainda mais para você não se sentir em uma cidade. Alias, se existe todo um aparato de trens na cidade, por que você não vê passar um?

BatmanOrigins-2013-10-27-21-24-20-78 BatmanOrigins-2013-10-27-22-17-39-66 BatmanOrigins-2013-10-31-09-58-25-47 BatmanOrigins-2013-10-27-14-04-17-21 BatmanOrigins-2013-10-27-20-13-48-84

Por fim, quanto a interface, no geral está muito boa e intuitiva, tirando a navegação no mapa… por que tenho de usar teclas e não o mouse? As vezes é um enorme trabalho tenta parar o cursor em cima de um ponto para marca-lo lol.
Nota do Editor:

Geraldo Carvalho
Justificativa: Tecnicamente o jogo está LINDO. A qualidade dos gráficos e animações estão de parabéns, porém, muitas coisas não condizem. Não parece que estamos em uma cidade e sim parece que estamos no que viria a ser a prisão Arkham como em Arkham City. O lugar não possui vida e por mais que cada lugar seja diferente, o clima causa a sensação de repetição nos ambientes… isso quando de fato um ambiente é idêntico a outro na arquitetura, mudando apenas a decoração..
Nota: 6.8

 

SOM
Hum.... Rawrrrr

Hum…. Rawrrrr

Quanto ao quesito sonoro não tenho muito o q comentar, está em um nível altíssimo. As dublagens estão muito boas bem como os impactos, explosões e barulhos do ambiente. A trilha sonora é boa, porém, meio apagada. Ela tem um papel MUITO importante em vários momentos, lhe deixando ansioso e aumentando o climax da situação, porém, nada tão marcante ao ponto de você ficar com a música na cabeça depois… Mais provável que você fique com o barulho dos combos na cabeça lol.
Nota do Editor:

Geraldo Carvalho
Justificativa: no geral o aspecto sonoro está muito bom, especialmente as dublagens. Minha única queixa é a trilha sonora que parece inexistente. Ela existe e contribui para que determinadas situações causem mais impacto, porém, parece que apenas possui essa função..
Nota: 9.2

 

 

GAMEPLAY
Chega de papo e vamos ao que interessa... CADE O MEU PÃO DE QUEIJO?!?!?!

Chega de papo e vamos ao que interessa… CADE AS CENAS FODONICAS DOS TRAILERS DE DIVULGAÇÃO?!?!?! Só vou perguntar uma vez…

Aqui acho que está a parte mais controversa do jogo e não terei como não fornecer minha opnião pessoal a respeito em muitas coisas. Eu gosto do sistema de combate da série (pronto falei lol). É bastante simples e funcional, não necessariamente caindo na repetição. Sei que isso é algo q não agrada muitas pessoas na série mas a mim sempre agradou. Você tem um botão para bater, um para contra atacar e um para usar a capa, podendo ainda mesclar com os diversos brinquedos no batcinto para criar combos ainda mais doidos. Em Arkham Origin notei uma melhoria muito significativa nos combates por que novas animações foram adicionadas. Desta forma, mesmo que você utilize apenas uma sequência de comandos, a animação da batalha não fica tão repetitiva e, se você for como eu e gosta de variar utilizando tudo o que possui ao seu dispor é bem mais recompensador. Uma adição interessante é que ao fim de um combate você ganha um bônus de xp e uma nota de acordo com o seu desempenho. Ir na surdinha sem ninguém lhe ver sempre irá garantir uma nota maior, porém, em combates grandes, se você mesclar tudo o que tem e não apanhar muito, tende a ter uma nota bem maior também. Achei algo interessante para tentar instigar aos jogadores que busquem variação na gameplay. Não é algo obrigatório mas é uma boa adição.

 

Quanto a questões de bugs, ouvi muitos reclamarem, porém, na versão que testei e para PC, não tive problema nenhum quase. Único bug q tive foi um que deve sair uma correção em breve numa missão do Enigma na qual você fica preso em uma sala e a única forma de sair é com o Fast Travel, porém, ai você não consegue completar a missão nem fechar a campanha desse vilão. De resto, não tive crashs nem perda de desempenho. No meu PC rodou perfeitamente mesmo abusando com gráficos todos no máximo em resolução 1920×1080 e em modo janela.

BatmanOrigins-2013-10-31-09-11-41-33 BatmanOrigins-2013-10-31-10-14-15-03 BatmanOrigins-2013-10-31-10-17-12-21 BatmanOrigins-2013-10-31-11-01-55-46 BatmanOrigins-2013-10-27-14-45-04-10

 

O modo detetive, que disse que iria comentar mais adiante, sempre foi algo controverso. É uma ferramenta útil mas as vezes pode acabar por deixar o jogo muito banal/fácil. Em algumas situações existe algo que interfere nesse sistema não permitindo o morcegão tirar proveito dele até que você destrua o dispositivo ou a pessoa que o está carregando. É uma limitação interessante embora completamente fora da lore da série e no fim não faz tanta diferença assim. Porém, particularmente não vi tanta necessidade em deixá-lo sempre ativado como em Arkham City. Já a árvore de habilidades está MUITO mais interessante, com diversas habilidades realmente úteis a serem aprendidas
 
Apesar de tudo, acredito que existam duas coisas que realmente não me agradaram muito. Primeiro é a curva de aprendizado. A curva de aprendizado não é grande e você vai aprendendo tudo de forma bem simples, porém, você apenas aprende o básico. Questão básica de combate ok, não tem muito segredo. Aprender a utilizar algumas batbugigangas para avançar no cenário ok, porém, você tem uma lista de umas 12 ferramentas ao seu dispor que podem serem utilizadas em combate até contra chefes mas o jogo não mostra isso e, por não ser algo necessariamente intuitivo, muitas pessoas podem se limitar apenas ao bate, contra ataca, bate mais sem saber das milhares de outras possibilidades. Pode parecer besteira mas isso é um problema por que para muitos o combate é muito repetitivo enquanto não necessariamente deve ser. Assassins Creed 3 possui uma curva de aprendizado MUITO longa mas que não achei ruim, permitindo que o jogador conheça cada aspecto disponível enquanto vai conhecendo o jogo e suas possibilidades. Acredito que eles poderiam ter explorado melhor essa questão, até por que, estamos vendo o nascimento do Batman e ele ainda está aprendendo muitas coisas.

BatmanOrigins-2013-10-27-13-17-23-78 BatmanOrigins-2013-10-27-14-02-28-56 BatmanOrigins-2013-10-27-14-30-25-60 BatmanOrigins-2013-10-27-21-05-31-41 BatmanOrigins-2013-10-27-22-10-53-40

 

It´s meee.... BATMAN!!!

It´s meee…. BATMAN!!!

Além disso, temos os chefes… Ok, eles são mais difíceis, porém, muito repetitivos. Cada chefe possui cerca de 1 a 2 movimentos especiais apenas que ficam sendo ativados conforme apanham. Chega a ser cansativo ter de ficar realizando a mesma tarefa por 10-15 min. Bane ainda é pior, por mais que ele seja extremamente badass, você o confronta cerca de 3 ou 4 vezes e é sempre a mesma história! Quando ele entre em enrage, fique pulando de um canto para outro. Saiu? Use a capa para Stunar e bata. Ele ti pego? Fique pressionando espaço para sair e recomeçar o ciclo. O único chefe que é um pouco mais diferente, dinâmico e realmente faz uso do cenário é o Firefly mas mesmo esse não me agradou tanto e grande parte é uma grande repetição de movimentos. Além disso, cade os demais assassinos que foram mostrados no início do game? Tinha grandes expectativas quanto a alguns, que poderiam até dar uma maior longevidade a campanha.

 

Existem algumas adições novas interessantes como a opção de viagem rápida que facilita muito a sua vida, além de você poder retornar a batcarverna quando quiser. As vezes você está andando pelo cenário e nota um crime em andamento, porém, ao chegar no local, ve alguns bandidos parados no meio do nada, sem ninguém próximo, fazendo absolutamente nada e você tem de dar cabo. É algo que contribuiu ainda mais para deixar o jogo ainda mais sem vida. Os quebra cabeças no geral são fáceis e intuitivos, dificilmente você ficará preso em algum lugar sem saber o que fazer, de repente alguns podem achar casual demais essa questão. Por fim, ainda temos os grandes salões no qual você deve abater os vários inimigos, de preferência na surdinha, porém, esses grandes salões são um pouco repetitivos também. Sempre terá diversas opções mas sempre terá as estatuas no topo das paredes para você se locomover rapidamente entre elas e despistando os inimigos.
Nota do Editor:

Geraldo Carvalho
Justificativa: Particularmente não tive problemas com bugs ou crash na versão de PC mesmo abusando do jogo. No quesito gameplay tivemos muitas melhorias principalmente no combate e a árvore de habilidades que está muito melhor. Porém, a curva de aprendizado não me agradou, podendo limitar algumas pessoas que jogam de forma mais intuitiva por não saber tudo o que podem realizar e, além disso, os chefes me decepcionaram um tanto. Alias, novamente, quem estava ansioso após ver os fantásticos trailers de divulgação do game certamente irão se frustrar ao não encontrar NADA do que vinha sendo exposto. Única explicação possível para tal acredito que seja por que o jogo deve ter tido muitos cortes as pressas o que afetou o produto final como um todo e não apenas na gameplay.
Nota: 7.0

 

REPLAY
BatmanOrigins-2013-10-27-22-08-19-49Infelizmente após concluir a campanha principal dei uma certa broxada em continuar jogando. Ainda existe muita coisa que pode ser feita fornecendo algumas recompensas, mas não são tantas coisas assim e as recompensas também não são tããão atrativas assim. Além disso, os desafios também me pareceram mais limitados, especialmente na quantidade de personagens que você pode controlar e modos. Quem quiser continuar explorando, ainda existem algumas mini campanhas paralelas interessantes mas parece que mais coisas devem surgir apenas via DLC o que é uma pena… Arkham City conseguiu me prender muito mais mesmo após ter fechado a campanha.
Nota do Editor:

Geraldo Carvalho
Justificativa: existe muita coisa a ser feita no jogo paralelo a campanha principal, mas aparenta ser bem menos que o que tivemos em Arkham City. As possibilidades existem mas, após concluir a campanha principal, não necessariamente você irá se interessar, ainda mais com outros jogos sendo lançados. Porém, caso não tenha nada para jogar, pode ser que você tenha mais alguns dias ou apenas horas de jogo. Digo isso por que o jogo em si é curto e as demais opções não são tão atrativas assim.
Nota: 6.5

 

CONCLUSÃO
Um soco na cara de todo mundo que assistiu os trailers de divulgação do jogo, comprou e não encontrou nada daquelas cenas épicas no mesmo... nem como cinematics!!!

Um soco na cara de todo mundo que assistiu os trailers de divulgação do jogo, comprou e não encontrou nada daquelas cenas épicas no mesmo… nem como cinematics!!!

Tecnicamente o jogo está muito melhor e com muitas novas possibilidades bem como melhorias em alguns aspectos como nos combates, porém, é um jogo curto. A história não ficou muito boa mesmo tendo alguns momentos MUITO bacanas. Além disso a ambientação não me agradou, existe muitas repetições em diversos elementos e uma cidade que mais parece a prissão de Arkham City, sem vida alguma. Quem é fã da série certamente pode ser uma boa pedida ou caso você procure um jogo de ação para passar um tempo, porém, desde que você não crie muitas expectativas e, caso ainda não tenha jogado Arkham City, esse sim vale a pena ser jogado.
Abaixo você pode conferir mais alguns vídeos e imagens, porém, caso queira conferir as imagens em resoluções altas e qualidade original, visite a galeria que criamos em nossa página no face apenas para as SS que tiramos no jogo.
Batman: Arkham Origins
"Como um dos jogos mais aguardados do ano, com uma excelente qualidade técnica, conseguiu pecar no mais importante que vinha construindo e se tornar uma das maiores decepções do ano? Nâo que seja um jogo ruim mas é muito diferente do que se era esperado e que vinha sendo vendido durante o período de divulgação do mesmo."
Nota da Redacao
HISTORIA:
5
GRAFICOS:
6.8
SOM:
9.2
GAMEPLAY:
7.0
REPLAY:
6.5
Nota Final
6.9

De a sua nota!

VN:F [1.9.22_1171]
História
Gráficos
Som
Gameplay
Replay
Rating: 6.6/10 (1 vote cast)
ATENCAO:algumas imagens abaixo podem/devem conter spoilers.
[fbalbum url="https://www.facebook.com/media/set/?set=a.678069348877986.1073741829.245384842146441&type=3&uploaded=2"]
0 comments